Depois de sete anos, servidores de Redenção conquistam reajuste

No dia 20 de janeiro, foi aprovado na Câmara de Vereadores de Redenção o projeto de Lei Nº 05/2012, que dispõe sobre a atualização do piso dos servidores municipais, exceto os profissionais do magistério.


Com a nova legislação, as categorias auxiliar de secretaria, auxiliar de serviços gerais bombeiro elétrico, fiscal de serviços gerais, fiscal sanitário, gari, parteira, telefonista, vigia, orientador de saúde e regente auxiliar II terão reajuste em média de 14%, conforme tabela 1.


Já os agente sanitário de saúde, agente de endemias, almoxarife, auxiliar administrativo, motorista, agente administrativo, agente tributário, auxiliar de consultório dentário, auxiliar de enfermagem, fiscal tributário e técnico de enfermagem terão seus salário reajustados entre 20 e 50% (o último índice exclusivo aos motoristas), conforme tabela 2.


E as categorias de agentes de trânsito, médicos do PSF, operador de máquina, operador de micro informática, agente administrativo, assistente social, cirurgião dentista, dentista, enfermeiro do PSF, engenheiro civil, farmacêutica, fisioterapeuta, médico, médico ginecologista, secretário escolar, técnico de higiene dental, veterinário, fonoaudiólogo, nutricionista e terapeuta ocupacional terão suas remunerações acrescidas em percentuais expressivos, conforme tabela número 3.


A presidente dos Sindicatos dos Servidores Municipais de Redenção, Eliane Silva, argumenta que a alteração salarial vem depois de sete anos de achatamento nas remunerações pagas pela prefeitura para muitas das categorias contempladas. “As categorias que recebiam menos de um salário mínimo estavam desde 2004 aguardando essas mudanças, que felizmente conquistamos”, completa.

Abono para os professores

Já os profissionais do magistério receberão mais R$ 3.500,00 de abono com o rateio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) de 2011.

Tabela – Salários 2012

Assessoria de Comunicação – FETAMCE
Siga-nos no Twitter > @FETAMCE


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO