Fetamce participa de atividades da Internacional de Serviços Públicos na Argentina

A presidente da Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce), Enedina Soares, e a diretora executiva da Federação e representante da entidade no Comitê Executivo Interamericano da Internacional de Serviços Públicos (ISP), Socorro Pires, embarcaram hoje (18/06) para Buenos Aires, Argentina. As dirigentes representam os servidores municipais cearenses em diversas atividades lideradas pela ISP, que acontecem entre os dias 18 e 28 de junho.

O ponto alto da agenda é a 12ª Conferência Regional Interamericana (IAMRECON), que acontecerá de 24 a 28 de junho, organizada pelo Escritório Regional da ISP Interamérica, com o apoio de todos os escritórios da região. O evento, conforme a convocatória, debaterá a conjuntura para os trabalhadores públicos da América do Norte, Central e do Sul, e Caribe, que conta com 140 organizações sindicais oriundas de 35 países, representando um total de 3,3 milhões de trabalhadores afiliados. A atividade terá o objetivo de elaborar um Plano de Ação para atuação do movimento sindical do setor, tendo como horizonte também as deliberações do último Congresso Mundial da ISP, que construiu a plataforma “O Povo acima dos lucros”.

Na oportunidade, a Fetamce colocará em debate propostas emendas de apresentadas no período de inscrição, que inclui adendos em pelo menos 15 eixos da tese para a Conferência Regional. A Federação propõe ainda três resoluções gerais: a primeira, chamada de “Brasil sob risco”, onde denuncia a crise política, institucional e econômica em que o país mergulhou desde o golpe de 2016 até a eleição de Bolsonaro, período em que o Estado vem sendo desmontado em nome do capital internacional; a segunda “Em defesa dos serviços e dos servidores públicos”, coloca que um dos grandes alvos do Governo Bolsonaro são os direitos fundamentais de servidores, a oferta de serviços públicos universais e o patrimônio público nacional; e a terceira proposta, com o título “Em defesa da liberdade do Lula”, delata à comunidade internacional que o ex-presidente Lula da Silva é um preso político no Brasil e a sua detenção faz parte do projeto de destruição dos direitos do povo brasileiro.

O evento será precedido por reuniões setoriais, entre 18 e 20 de junho, e outras atividades que ocorrerão a partir de 21 de junho, tais como os encontros dos Comitês Consultivos Subregionais (SUBRACs) de América Central, Países Andinos, Cone Sul e Brasil e seus dos respectivos Comitês Sub-regionais de Mulheres; Comitê Regional de Mulheres; e Comité Regional da Internacional Interamericano (IAMREC).

A presidente da Fetamce avalia que “toda esta programação constitui uma rara oportunidade de estabelecer redes, fazer contatos e desenvolver parcerias para se trabalhar de maneira conjunta ao longo do próximo mandato dos Comitê”, destaca.

Além de Enedina Soares e Socorro Pires, trabalhadoras, respectivamente, das cidades de Caucaia/Fortaleza e Crateús, a presidente da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam), Vilani Oliveira, que é servidora em Maranaaú (CE), também marcará presença nas atividades.

DEIXE UM COMENTÁRIO