Sem salários, servidores de Madalena entram em greve e são hostilizados pela Prefeitura


Os servidores municipais de Madalena/CE paralisaram hoje (18/8) as atividades e seguem em greve até a Prefeitura pagar os salários das várias categorias prejudicadas. Servidores técnico-administrativos da educação e de todas as demais secretarias estão sem salário.


A cidade, embora tenha implantado a política de reserva de um terço da carga-horária dos professores para planejamento e ter concedido reajuste salarial para os educadores, não atendeu às demandas das demais categorias. Ou seja, fora da folha de pagamento principal do magistério, não houve avanço nas negociações e a questão ainda é agravada por um grande atraso nos pagamentos.


Presente na atividade, Neiva Esteves, da coordenação regional da Fetamce, afirmou que Madalena está totalmente desorganizada. “Por conta desse descontrole, o comércio local fica prejudicado e os trabalhadores sem poder alimentar suas famílias. A situação é desoladora”, completa.


Retaliação


Para complicar ainda mais a situação, os trabalhadores em greve foram hostilizados pela prefeitura, que colocou a força policial para tentar impedir que os servidores acampassem na porta do prédio do município, o que configura práticas antisindicais.


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO