Reunião virtual: Fetamce debate ações sindicais com 58 entidades filiadas

Com representação de 58 entidades filiadas de todo Ceará, a Fetamce realizou, na tarde desta quarta-feira (15/4), sua 3ª Reunião Estadual por videoconferência. A discussão sobre as ações sindicais em tempo de pandemia e a realidade vivenciada por servidores municipais pautaram o encontro virtual.

Na abertura, a secretária de Organização da CUT Nacional, Graça Costa, apresentou um panorama geral da conjuntura sindical e política. Graça ressaltou o papel do movimento sindical na defesa dos trabalhadores que em meio à crise têm sofrido ataques aos seus direitos. “Foi articulação das centrais junto à parlamentares de esquerda que garantiu um valor maior de auxílio emergencial para os brasileiros”, destacou.

Pauta da reunião, os dados divulgados na primeira parcial do levantamento feito pela Internacional de Serviços Públicos (ISP) quanto a realidade dos trabalhadores que enfrentam diretamente a pandemia corroborou com as denúncias expostas por presidentes de entidades municipais. A falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) para profissionais que atuam na área da saúde é um dos principais problemas enfrentados servidores no interior do Ceará.  O questionário da pesquisa segue aberto será encaminhado aos servidores municipais pelos sindicatos.

Entre outros impasses sofridos por entidades filiadas à Fetamce, estão os decretos de antecipação de férias e o atraso na entrega ou uso político de kits de alimentação. “Estamos com campanhas no ar para fazer mobilização nas redes de enfrentamento as decisões arbitrárias de gestores municipais sem compromisso com os trabalhadores. Os sindicatos devem replicar os conteúdos em seus canais de comunicação”, esclarece a presidenta da Fetamce, Enedina Soares.

Durante a reunião, ficou encaminhado que o movimento sindical dos servidores municipais cearenses vai promover, na próxima semana, uma campanha solidária de arrecadação de alimentos para famílias mais vulneráveis. Os sindicatos interessados deverão apresentar nesta quinta-feira (15/4) as informações de como funcionará a coleta dos alimentos em seus municípios. (Clique aqui para aderir a campanha)

“É uma ação dos servidores para ajudar aqueles que mais precisam em cada cidade onde há um sindicato atuando. Vamos cumprir com nosso papel social na certeza que este momento de dificuldades exige uma soma de esforços para garantir que todas as famílias consigam superar essa crise”, justificou Enedina.

O aniversário de 30 anos da Fetamce, que acontece no próximo dia 28 de abril, também foi pauta do encontro virtual. “A comemoração acontecerá nas redes com a realização de três debates ao vivo que vão abordar temas de Saúde, Justiça Fiscal e Educação em tempos de pandemia”, revelou a presidenta. Uma campanha comemorativa será lançada pela entidade.

DEIXE UM COMENTÁRIO