Prefeitura de Beberibe diz que não tem dinheiro para pagar servidores


Em reunião realizada na última quinta-feira (10/01) pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Beberibe (SINDSERV) com os atuais gestores da prefeitura, foi apresentado balanço financeiro do município. A administração de Beberibe alega que não teria dinheiro suficiente para o pagamento total dos servidores.


A proposta apresentada pela prefeitura de Beberibe, representada pelo Chefe de Gabinete, Daniel Queiroz, é de pagar primeiramente os servidores da saúde. Quanto ao pagamento dos professores (as), a administração sugeriu que não tinha dinheiro nos cofres públicos recursos para arcar com a despesa e a única saída é seria fazer o pagamento parcelado. Entretanto, a direção do SINDSERV rejeitou a proposta.


Na ocasião, foi distribuído para os participantes da reunião, um balanço das contas da prefeitura. A Sra. Ana Maria, secretária de finanças da prefeitura, explicou, através de uma planilha, que a cidade está em déficit negativo. Segundo a secretária, dos 60% do FUNDEB que o prefeito anterior recebeu, 40% foi destinado para o pagamento dos fornecedores.


Para o SINDSERV BEBERIBE, representado pelo diretor, Vice-presidente, Franciedson Oliveira, a nova administração precisa fazer uma justificativa por escrito de que não há dinheiro suficiente em caixa para pagar os trabalhadores e no mesmo documento, apresentar a proposta de como será feito os devidos pagamentos salariais. Posterior a esse documento formalizado, será divulgado para os servidores em assembleia geral convocado pelo SINDSERV.


Existe o indicativo, apresentado pelo Dr. Rômulo Bessa, advogado do Sindicato, de entrar com uma Ação de Termo de Ajuste de Conduta no Ministério Público Estadual, visando regularizar as dividas.

Fonte: Sindserv Beberibe

Assessoria de Comunicação – FETAMCE


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO