Plenárias regionais marcam a Semana Global por Justiça Fiscal no Ceará


Dentro da Semana Global por Justiça Fiscal, organizada de 19 a 23 de junho 2017, estão sendo realizadas atividades em todo do mundo – da África do Sul a Tunisia, do Brasil ao Vietna, em Bangladesh, no Peru, na Espanha e nos Países Baixos. A agenda terá seu ponto alto amanhã, 23 de junho, Dia Mundial dos Serviços Públicos.


 


Esta é uma iniciativa da Aliança Global pela Justiça Fiscal (GATJ) e dos membros da mesma – redes regionais, a Internacional de Serviços Públicos (PSI), a ITUC-África (CSI-Afrique), a ActionAid, a Oxfam, a Campanha Global pela Educação e mais parceiros. 


 


No Brasil, as organizações filiadas à ISP entraram de cabeça na agenda, com atos em todo país, com destaque para as atividades do ramo dos servidores municipais, coordenadas pela Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam).


 


No Ceará, a Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce) está desde o dia 19 percorrendo as dez regiões em que se divide o estado realizando plenárias que debatem a conjuntura nacional e a luta por justiça fiscal e contra o desmonte dos direitos e da Democracia. Os eventos também vão preparar as organizações filiadas para o IX Congresso da Federação, que ocorrerá de 7 a 9 julho, quando será lançada a sexta edição da Revista F, publicação semestral da Fetamce, que abordará a injustiça tributária brasileira.


 


As ações na Terra do Sol começaram com Plenárias na Regional Sobral e Ibiapaba no dia 19 de junho. No dia 20, foi a vez da Regional Crateús. Depois, dia 21, reuniram-se os municipais das Regionais de Jaguaribe e de Iguatu. Já em 22 de junho foi a vez dos servidores do Cariri. A peregrinação continua no dia 23 de junho no Sertão Central. Depois, no dia 26, na Grande Itapipoca, passando ainda pelo Maciço de Baturité e pela Região Metropolitana de Fortaleza no dia 27.


 


Conforme Enedina Soares, presidente da Fetamce, o Dia Mundial dos Serviços Públicos, mais uma vez, será comemorado com luta e com resistência. “Diante desta conjuntura perversa de retrocesso e corte de direitos em todo o mundo, é louvável a iniciativa dos movimentos sindical e social que organizam neste momento ações para sensibilizar a todos sobre questões como a necessidade do financiamento dos serviços públicos para o desenvolvimento, para o combate da pobreza e da desigualdade social”, avalia. Enedina afirma que, a partir do momento que se entende a lógica injusta do sistema tributário e também os subterfúgios usados pelo grande Capital para sonegar, evadir e destruir o patrimônio público, compreende-se que não são necessárias reformas que eliminem direitos. “Precisamos sim de mudanças estruturais que equilibrem a cobrança de impostos e que possibilitem a distribuição das riquezas inestimáveis do país. Fico muito feliz de saber que os funcionários públicos das cidades do Ceará e a Fetamce estão firmes nesta batalha”, avalia Enedina Soares.


 


Para a presidente da Confetam, Vilani Oliveira, o Dia Mundial dos Serviços Públicos, marcado pela luta por justiça fiscal, será mais um esquenta para a greve geral de 30 de junho, convocada pelas centrais sindicais. A dirigente reforça a chamada para paralização contra as reformas de Temer, afirmando que “a segunda greve geral contra as reformas e em defesa da democracia será ainda maior que a paralisação do dia 28 de abril e a adesão dos servidores públicos municipais de todo o Brasil será fundamental para o sucesso, em cada cidade do país, da maior greve geral da história do movimento sindical brasileiro”.


Source: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO