Caucaia: Campanha Salarial 2012 avança

O Prefeito de Caucaia, Washington Góis, fechou acordo para o atendimento de parte das propostas da pauta de reivindicações dos servidores municipais. Isso aconteceu na primeira reunião de negociação da pauta da Campanha Salarial 2012 dos servidores municipais de Caucaia, realizada com o Sindicato dos Servidores Municipais de Caucaia (SINDSEP), no último dia cinco.


Foram asseguradas de imediato pela Prefeitura as propostas de implementação do Plano de Careira para os Servidores de Nível Fundamental e Médio; o convênio da Prefeitura de Caucaia com a Caixa Econômica Federal para financiamento de casas para todos os servidores do município que ainda não possuem casa própria; o pagamento imediato das sobras dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (FUNDEB) de 2011 para todos os trabalhadores da educação; ampliação da gratificação por cargo de chefia de 50% para 70%; reajuste de 20% para o Núcleo Gestor; licença premio em pecúnio e pagamento imediato do reajuste referente a 2011 aos profissionais da educação especial (psicólogos, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais e outros).


Os demais pontos de pauta, que seguem abaixo, não foram objeto de consenso entre o sindicato e o governo municipal. Sendo assim, foi instaurada uma comissão de negociação para tratar da mediação entre as partes das demais reivindicações dos trabalhadores.


O Sindicato reivindica, além do atendido, o reajuste do salário mínimo; o reajuste do piso salarial do magistério; o reajuste dos demais servidores; a gratificação para transporte de servidores; o direito ao auxílio refeição e a instalação de carga horária do magistério para atividades de formação e planejamento extraclasse.


O Sindicato também lembra que a Prefeitura deve cumprir a Lei do Piso Salarial do Magistério (Lei nº 11.738/08). Hoje, o piso em Caucaia é de R$ 1.360,00, enquanto, com o reajuste desse ano, deveria ficar em R$ 1.759,01 (um crescimento de 29%). Em 2010, segundo o SINDSEP, a Prefeitura de Caucaia foi a única no Ceará que cumpriu o Piso, com remuneração de R$ 1.312,00. Entretanto, em 2011 o reajuste, que era para garantir o piso de R$ 1.450,00, ficou em apenas 3,66 %, chegando somente a R$ 1.360,00.


Assessoria de Comunicação – FETAMCE

Siga-nos no Twitter > @FETAMCE


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO