Prefeitura de Juazeiro recua da redução de salários após reunião com professores


Após reunião na manhã desta quarta-feira, 26, a Prefeitura de Juazeiro do Norte e o Sindicato dos Professores entraram em acordo em alguns pontos sobre o Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) da categoria. Segundo a prefeitura, a greve dos professores, iniciada após a gestão reduzir salários da categoria e que já dura cerca de três semanas, pode chegar ao fim após os pontos discutidos na reunião. A procuradora-geral do município, Mariana Gurgel, afirmou que o texto do Projeto de Lei do PCCR dos professores pode ser alterado.


O sindicato optou em permanecer com a gratificação de regência de classe em 40%. Além disso, a prefeitura manterá o índice de 7,97% de aumento no salário-base da categoria dado em janeiro passado. Houve também acordo para que não mude a carga horária dos professores, permanecendo em 50 minutos, ao invés dos 60 minutos, como foi aprovado do Projeto de Lei encaminhado à Câmara Municipal, no último dia 6 de junho.


Os professores aceitaram a proposta de retirada dos 40% da gratificação da regência de classe para aqueles profissionais que estão em função administrativa ou fora da função pedagógica. Em comum acordo, também ficou definido que os readaptados terão prioridade para voltar à função pedagógica nas escolas do município para não perder a gratificação.


Na próxima sexta-feira, 28, será realizada uma reunião com representantes do Ministério Público, onde será assinado um documento pelas duas partes (prefeitura e sindicato) e será encaminhado para votação na Câmara.


 


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO