Genecias Noronha é o único cearense a favor da reforma da Previdência na CCJ

Dos três cearenses que são titulares na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, o único a votar a favor da reforma da Previdência apresentada pelo governo Jair Bolsonaro (PSL) foi o deputado federal Genecias Noronha (SD).

Os outros dois, Eduardo Bismarck (PDT) e José Guimarães (PT), foram contra a medida. O parecer da relatoria da PEC Nº 06/2019, avaliada como o mais duro golpe contra a aposentadoria e demais políticas de seguridade social, foi aprovado por 48 votos a 18.

Genecias, o exterminador de direitos

Genecias Noronha vem sendo chamado pela classe trabalhadora no Ceará de um verdadeiro exterminador de direitos. O deputado, natural de Parambu e empresário, já votou a favor da reforma trabalhista, da lei das terceirizações e tem sido um ferrenho defensor das demais medidas anti-povo dos governos do ex-presidente Temer e do atual cruel comandante da nação brasileira, o ultra-conservador Bolsonaro.

Além de acusações de corrupção, pesam sob o deputado questionamentos sobre o crescimento de seu patrimônio. De acordo com levantamento do Blog do Melo, em 2000, quando se candidatou a vice-prefeito de Parambu, tinha patrimônio declarado de R$ 98.800,00. Em 2014, na campanha para se reeleger deputado federal, já filiado ao Solidariedade (esteve no PMDB de 1995 a 2013), seu patrimônio já era de mais de 8,7 milhões de reais. Um crescimento, em 14 anos de vida política, de 8.851%.
Isso mesmo, 8.851%.

Há ainda dois cearenses que são suplentes na comissão

Capitão Wagner (Pros) é suplente de Clarissa Garotinho (Pros-RJ), que foi contra o relatório, e Júnior Mano (PR) é suplente do PR, cujos parlamentares deste partido na comissão foram todos a favor da reforma.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO