Campanha combaterá o racismo, a homofobia e a violência contra a mulher no serviço público


A igualdade de diretos propagada pela Constituição de 1988 está na pauta de mobilização dos servidores municipais de todo o Ceará com o lançamento, no próximo dia 13 de novembro, da campanha “Serviço Público de Todas as Cores – Construindo a igualdade de oportunidades através do combate à homofobia, ao racismo e à violência contra a mulher”, que acontecerá de 8 às 12 horas no auditório da URCA (Rua Coronel Antônio Luiz, 1161, Pimenta – Crato).


A iniciativa pretende combater o estigma do preconceito vivenciado pelas populações LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais), negros (as) e mulheres, que, segundo a Federação dos Trabalhadores(as) no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce) e os 146 sindicatos de funcionários públicos das cidades alencarinas, tem resultado em graves violações aos direitos humanos, dificultando a erradicação da violência.


A campanha acontece em meio ao calendário de ativismo dos meses de novembro e dezembro, quando pessoas do mundo inteiro são convidadas a refletir sobre a cidadania. No período, temos a XV Parada da Diversidade do Estado do Ceará, que acontecerá em Fortaleza, no dia 16 de novembro; também se comemora o 20 de novembro, dia da consciência negra; o 25 de novembro, onde o país realiza uma agenda nacional de combate à violência contra a mulher; e, no dia 10 de dezembro, o mundo celebra o dia dos Direitos Humanos.


Plataforma contra o racismo, a homofobia e o machismo


Para alcançar seu objetivo, a iniciativa inclui uma agenda de mobilização em várias localidades do estado e traz plataforma que faz alusão a 10 compromissos que podem ser assumidos pelos gestores públicos e por organizações sindicais para a promoção dos direitos humanos no mundo do trabalho. Entre as propostas, está a criação de metas de inclusão para LGBTs, negros(as) e mulheres; o planejamento de produtos e serviços considerando os segmentos; a criação de mecanismos internos visando o desenvolvimento dos funcionários LGBTs, negros(as) e mulheres; reconhecer a união civil homoafetiva; entre outras.


Segundo Enedina Soares, presidenta da Fetamce, a relevância da campanha “Serviço Público de Todas as Cores” está em não ocultar a realidade brasileira, marcada por forte preconceito, e abrir espaço para o enfrentamento direto do número de mortes por homofobia, que, em 2014, já chegou a 216; do “extermínio da população negra”, tendo em vista que mais de 74% dos cerca de 60 mil vítimas de homicídios ocorridos em 2012 eram negros; e da violência contra a mulher, que chegou a 4,4 assassinatos a cada 100 mil mulheres, número que coloca o Brasil no 7º lugar no ranking de países nesse tipo de delito.


“A campanha é um convite à ação. Mais do que dizer não à estigmatização e à discriminação, a Fetamce convida a todos a dizer um sim à diversidade, como uma riqueza que pode adicionar valores às nossas vidas, ao ambiente de trabalho, à sociedade”, frisou a dirigente sindical.


Serviço:


13/11 – Lançamento da Campanha Estadual “Serviço Público de Todas as Cores”


Horário: 8 às 12 horas


Local: Auditório da URCA (Rua Coronel Antônio Luiz, 1161, Pimenta – Crato)


Agendas da Campanha:


13/11 – Seminário de Combate à Violência contra a Mulher


Horário: 8 às 12 horas


Local: Auditório da URCA (Rua Coronel Antônio Luiz, 1161, Pimenta – Crato)


16/11 – Participação do trio elétrico da Fetamce na 15ª Parada pela Diversidade Sexual do Ceará


Horário: concentração às 13 horas


Local: Av. Beira Mar – Saída às 15 horas, em direção ao aterro da Praia de Iracema


20/11 – Seminário Estadual de Combate ao Racismo


Horário: 8 às 13 horas


Local: Auditório da CUT Ceará (Rua Solon Pinheiro, 915, José Bonifacio – Fortaleza)


 25/11 – Encontro de Mulheres da CUT


Horário: 9 horas


Local: Auditório da CUT (Rua Solon Pinheiro, 915 – José Bonifácio – Fortaleza)


25/11 – Seminário de Combate à Homofobia


Horário: 9 horas


Local: Morada Nova (local a definir)


26/11 – Palestra “O Pensamento Negro”


Horário: 9 horas


Local: Auditório do Sindsep Itapipoca (Rua José Romero, 232, Sanharão – Itapipoca)


28/11 – Seminário sobre violência contra a mulher e combate ao racismo


Convidada: Maria Julia Reis Nogueira, secretária de combate ao racismo da CUT Nacional


Horário: 17 horas


Local: Auditório do SINSEMBA (Rua Maria do Carmo de Oliveira, 755, Centro – Barreira)


Outras informações:


Rafael Mesquita – (85) 9920.0333 / 8867.5620

Assessor de Comunicação da Fetamce


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO