Servidores de Senador Pompeu entram em estado de greve

A presidente da Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce), Enedina Soares, participou na manhã de hoje (20/06) de mobilização realizada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Senador Pompeu, que reivindica reposição salarial e melhores condições de trabalho para a categoria representada.

Após a instalação de um calendário de protestos nos últimos dias, o prefeito da cidade, Maurício Pinheiro, recebeu o Sindicato e a presidenta da Fetamce. O gestor apresentou uma proposta de 3% de aumento para os servidores, porém o mesmo afirmou que ainda vai consultar outros órgãos, como o Ministério Público e Câmara Municipal. Os trabalhadores, portanto, ainda não têm uma proposta fechada e consolidada do Executivo.

Após a audiência, os funcionários públicos se reuniram em assembleia geral, onde, diante dos fatos, aprovaram entrar em estado de greve. Conforme a decisão tomada, caso não haja avanço, após as férias, no dia 31 julho, uma nova assembleia poderá deflagrar greve geral dos servidores de Senador Pompeu.

Enedina Soares classificou o episódio como uma demonstração de força da classe trabalhadora, que segue firme junto ao seu sindicato em busca do que é de direito. “A prefeitura precisa organizar a máquina administrativa e garantir a reposição salarial dos servidores municipais de Senador Pompeu, um direito constitucional e inviolável”, defende a dirigente da Fetamce.

DEIXE UM COMENTÁRIO