Prefeito de Várzea Alegre promete reajuste de 12,84% para professores

O prefeito de Várzea Alegre, Zé Helder, usou o facebook para anunciar ontem, 16 de janeiro, o reajuste de 12,84% para os professores da cidade. De acordo com o gestor, logo que a Câmara de Vereadores retome as atividades, será enviada lei que garanta o aumento salarial da categoria.

O governante elogiou o grupo e agradeceu os educadores por terem “ajudado com a elevação dos níveis educacionais do município”, disse. No entanto, o mandatário não especificou se o percentual será aplicado de forma linear na carreira, ou seja, beneficiando os trabalhadores em todos os níveis de formação (médio, graduados e pós-graduados). No vídeo da postagem, o mandatário só anuncia o valor do salário inicial reajustado, ou seja, o piso. Ainda assim, Zé Helder afirma que o beneficio será aplicado retroativo à janeiro de 2020.

Para o presidente do Sindicato dos Servidores da cidade, Erialdo Abraão, “em tese” o reajuste seria linear, haja vista que o salário de professores nos demais níveis não teriam uma remuneração base e seriam calculados a partir do piso. Vejamos: “Todos os professores recebem salário no valor do piso nacional, mas o graduado tem 20,80% a mais e o pós-graduado (especialista) mais 10%”, explica o sindicalista. Além disso, há “evolução de 2,5% a cada dois anos por mérito ou antiguidade e o professor alfabetizador (recebe mais) 15% por desempenho”. Portanto, conforme o dirigente, o reajuste teria impacto em toda a carreira.

DEIXE UM COMENTÁRIO