Suspensa a greve em Maracanaú – SUPREMA faz assembléia em frente a Secretaria de Educação

Na quarta-feira, dia 30/6 às 8h houve assembléia geral em frente a Secretaria de Educação, na ocasião foi feito um bingo de uma TV. O SUPREMA avisa – a greve está suspensa por causa do período das férias, mas será retomada a partir de agosto.


O SUPREMA denuncia que um grupo denominado “A Base dos Professores”, articulado pela ex-presidenta do Sindicato, em coluio com o prefeito Roberto Pessoa, tentam dar um golpe de misericórdia na greve dos professores de Maracanaú. Primeiro os grevistas foram vítimas de violência física e moral. Depois vieram as perseguições: ameaças de demissão, desconto dos dias parados…


Diante disso, o Suprema fazer uma retrospectiva dos fatos:


1. A prefeitura entrou com ação, pedindo a ilegalidade da greve;


2. O Promotor de Justiça Dr. Haley e o Juiz da 2ª vara, Dr. Jurandir Porto, decretam a GREVE LEGAL!


3. O prefeito entra com o pedido de reconsideração e o juiz mantém a decisão: A GREVE É LEGAL!


4. O SUPREMA entra com o pedido de Dissídio Coletivo no Tribunal de Justiça;


5. A prefeitura entra com o agravo de instrumento no Tribunal de Justiça, pedindo a ilegalidade da greve;


6. O presidente do Tribunal remete o Dissídio para o Desembargador Rômulo de Deus;


7. Gera-se um conflito de competência que precisa ir ao Pleno para definição: em caso de Dissídio a competência é da Câmara da Presidência?


8. É designado o Desembargador Clécio para elaborar relatório e encaminhar ao Pleno;


9. O Desembargador Clécio torna sem efeito a decisão da 2ª Vara e o processo da legalidade é remetido para o TJ, concentrando os dois processos (legalidade e Dissídio);


10. O TJ encaminha o Dissídio para Procuradoria Geral de Justiça – PGJ para apreciação.


Como podemos constatar, é um jogo de empurra-empurra, cujo o objetivo é nos fragilizar. Precisamos ser fortes agora mais do que nunca.


Querem acabar com o nosso sindicato, nosso principal instrumento de luta. Nossa resposta à todos que tentam nos confundir e nos fragilizar é a reafirmação e disposição em continuarmos lutando em defesa dos nossos direitos.


O SUPREMA avisa – a greve está suspensa no período das férias, mas deverá ser retomada a partir de agosto.


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO