Sindicatos se mobilizam contra Reforma da Previdência em todo o Ceará


Diversos sindicatos, entidades, associações e movimentos sociais cearenses estão somando forças na mobilização contra os ataques do Governo Federal à Previdência Social. O grupo, é integrado por sindicatos de servidores e professores, liderados pela Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce), que realizarão manifestações em todo o estado nesta quarta-feira (15/03), Dia Nacional de Paralisação.


 


A principal atividade acontece em Fortaleza, a partir das 8h, com concentração na Praça da Bandeira, em frente a Faculdade de Direito da Universidade Federal do Ceará (UFC). Destaque ainda para os atos regionais de Iguatu e do Crato, que receberão representantes de municípios vizinhos.


 


As atividades rejeitam a Proposta de Emenda Constitucional (PEC 287), apresentada pelo presidente Michel Temer, que altera regras referentes aos benefícios da Previdência e da Assistência Social. Na ótica das organizações sindicais, as mudanças irão prejudicar o trabalhador brasileiro, ao estabelecer a idade mínima para aposentadoria em 65 anos, para homens e mulheres, prejudicando especialmente as mulheres e categorias como professores e trabalhadores rurais.


 


A PEC também fixa o período mínimo de 25 anos de contribuição e modifica a forma de cálculo de todas as aposentadorias, promovendo uma real redução dos valores a serem pagos. Para ter direito à aposentadoria integral, qualquer pessoa teria que contribuir durante 49 anos.


 


“Para o povo trabalhador, o aumento no tempo de contribuição será desastroso. As mulheres serão ainda mais prejudicadas. Ao igualar a idade de homens e mulheres para obter o benefício, o governo brasileiro ignora as condições reais que diferenciam os sexos na sociedade contemporânea e a que a expectativa de vida em 57% dos municípios do país não chega aos 65 anos”, avalia Enedina Soares, presidente da Fetamce. A dirigente considera que as novas regras previdenciárias obrigarão grande parte dos brasileiros a buscar alternativas na iniciativa privada, reforçando a ideia de um Estado Mínimo e privilegiando o poder do capital. “Muitos morrerão sem se aposentar. É um crime de lesa-pátria”, finaliza.


 


Acompanhe a agenda completa dos atos e mobilizações contra a Reforma da Previdência no Ceará:


 




































SINDICATO


LOCAL


ATIVIDADE


HORARIO


DIA


Tianguá


Agencia do INSS


Grande Ato Nacional Contra a Reforma da Previdência


9h30


15/03.


Iracema


Sede do Sindicato


Rua: Gervasio Holanda- Centro.


Grande Ato Nacional Contra a Reforma da Previdência, as privatizações e toda politica contra os trabalhadores.


7h


15/03.


Monsenhor Tabosa


Concentração no Sindserp


Grande Ato Nacional Contra a Reforma da Previdência.


Caminhada pelas principais ruas- Audiência Pública na Câmara Municipal


7h30


15/03.


Iguatu


Praça da Caixa Econômica Federal


Dia Nacional de paralização contra a reforma da previdência e em defesa do serviço público municipal de Iguatu.


 


7h30


15/03.


Aquiraz


Concentração: Praça das Flores


Dia Nacional de Paralização Contra a Reforma da Previdência


7h30


15/03.


Fortaleza


Concentração: Praça da Bandeira


Grande Ato Nacional Contra a Reforma da Previdência


8h


15/03


Itapipoca


 


Visita aos Postos de Trabalho


 


13 e 14/03.


Itapipoca


Em frente ao sinal do C.S.I correios


Blitz Contra a Reforma da Previdência


8h


15/03.


Itapipoca


 


Visita aos Postos de Trabalho


 


16 e 17/03.


Itapipoca


Sede do Sindicato: Rua- José Rua:Romero, 232- Sanharão


Mesa de Debate sobre a Reforma da Previdência


9h


18/03.


Tamboril


Concentração Praça General Sampaio


Ato Público- Caminhada pelas principais ruas da cidade, parada no INSS, 2ª parada no centro, 3ª parada na prefeitura- Negociação de uma pauta local dos movimentos.


7h30


15/03.


Tabuleiro do Norte


Concentração: 1º protesto no INSS


Ato Regional, caminhada pelas principais ruas, às 9h Audiência Pública dos Servidores, escolas principais estaduais e particulares e Servidores Federais.


7h


15/03.


Maracanaú


Praça da Estação de Maracanaú


Ato Público- Não à Reforma da Previdência e não à Violência Contra a Mulher


9h


15/03.


Tarrafas


Posto de Gasolina


Ato Público- Dia Nacional de Paralisação Contra a Reforma da Previdência


7h


15/03.


Quixadá/ Ibaretama/ Banabuiú e Choro.


Praça José de Barros- Centro


Blitz e Ato Publica com servidores municipais e trabalhadores rurais e comerciários


8h


15/03.


Santa Quitéria


No Semáforo do Bairro Boa Vida


Realizaremos uma blitz com o intuito de esclarecer a população os efeitos da Reforma da Previdência, visitaremos os locais de trabalho e utilizaremos os meios de comunicação (as emissoras de rádio) para mobilizar e informar a população quiteriense dos retrocessos que estão sendo impostos a classe trabalhadora!


6h30


15/03


Baturité


Concentração Geral Praça Santa Luzia


Paralização Nacional- Caminhada até Espaço Público ( Palácio entre Rios)


8h


15/03.


Barreira


 


Assembleia Geral às 8h na sede do sinsemba


Às 9h30 Ato público em frente a prefeitura municipal


Pauta: Reforma da Previdência, campanha salarial 2017 dos servidores municipais de barreira


8h


15/03.


Canindé


Praça azul


Realizar ato na praça azul, onde se concentram os agricultores da agricultora familiar, com distribuição de material falando do retrocesso para a classe trabalhadora do campo é da cidade


 


 


Aurora


Salão paroquial


Vai realizar audiência pública para discutir o tema reforma dá previdência


9h


15/03.


Saboeiro


Praça do Antigo Hospital


Ato Contra as Reformas e Retrocessos do Governo


Atividade: Cine Cidadania Itinerante: Exibição de Vídeos, Vinhetas e Chamadas falando sobre as reformas que o governo quer implantar.


Na ocasião Teremos discursos ou falas de vários companheiros(as)


17h30.


15/03


Lavras da Mangabeira


Praça da Saudade.


Convoca todos os profissionais públicos, privados, trabalhadores rurais e população em geral a participarem do DIA NACIONAL DE LUTA contra a REFORMA DA PREVIDÊNCIA.


Concentração na praça dos leões ou praça da saudade e caminhada com encerramento enfrente ao INSS, na vila Bancária. Diga não a Reforma da Previdência, sua aposentadoria vai acabar ! REAJA AGORA OU MORRA TRABALHANDO!!!


8h.


15/03.


Caririaçu


 


Palestras mostrando as principais mudanças com a reforma.


 


 


Crato – Ato Regional


7h30- Local: Escola Circulo Operário.


9h- Local: Em Frente a Prefeitura


 


7h30 -Concentração das Servidoras Municipais com um café da manhã.


9h- Ato Unificado Contra a Reforma da Previdência.


7h30


9horas.


15/03.


Tabuleiro do Norte


7h- Agencia do INSS.


Ato Unificado Contra a Reforma da Previdência e Trabalhista.


 


7h- Concentração dos Trabalhadores/as na Agencia do INSS


7h40- Saída do INSS em caminhada pelas ruas do centro da cidade ate o SINSEP, onde acontecera a Audiência Pública.


8h10- Serviremos um lanche à todos


9h- Inicio da Audiência Pública.


7h.


15/03.


Crateús


Praça dos Pirulitos, em frente à sede do SINDPROF.


Concentração em frente à sede do SINDPROF e caminhada pelo centro da cidade com paradas em pontos estratégicos.


7h.


15/03.


Quixeramobim


7h- Sinal


9h- Câmara


7h- Panfletagem no Sinal


9h- Câmara- Participação na tribuna livre na sessão dos vereadores


7h


15/03.


Independência


Praça da Matriz


Concentração praça da matriz saída as ruas até a praça do mercado onde haverá ato contra a REFORMA DA PREVIDENCIA.


10h


15/03.


Senador Pompeu


Em frente do Sindicato


Ato em frente sindicato


11h.


15/03.


Guaramiranga


Praça do teatro


Vão parar a educação e demais. Vão fazer uma caminhada e ato na prefeitura


8h.


15/03.


Irauçuba


 


7h-Terá panfletagem


8h30- Audiência pública em parceria com Sindicato Rural


7h.


15.03.


Brejo Santo


Na BR


 


 


15/03.


Barbalha


 


 


 


15/03.




 


 








Source: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO