Ubajara – Prefeitura retira 10% do planejamento dos professores


Mais uma dor de cabeça aos servidores de Ubajara. Depois de querer demitir os servidores aposentados, a Prefeitura  quer retirar dos professores municipais a gratificação de planejamento. O montante é um aumento de 10% em cima dos vencimentos do profissional e está garantido no Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) da categoria. O projeto de lei foi aprovado na Câmara Municipal no dia 21.


A Prefeitura argumentou que planejamento traria vantagens aos professores, pois deixaria os sábados livres. Nadja Carneiro, presidente do Sindicato dos Servidores Públicos de Ubajara (Sindsepu), enfatizou que os trabalhadores não aceitariam a mudança de “uma vírgula do PCCR sem a participação e aprovação dos servidores”. “A gratificação deve permanecer, pois o professor continua planejando, só que não mais aos sábados”, contra-argumentou a presidente.


Mesmo com a presença dos servidores, na sessão do último dia 21, os vereadores aprovaram o projeto, com seis votos a favor e três contra. Nadja lamentou o posicionamento daqueles vereadores que foram contrários aos servidores e afirmou que os trabalhadores vão lembrar seus nomes. “Aqueles que tiveram a audácia de votar em favor da retirada de direitos foram vaiados pela categoria. Vamos lembrar o nome deles para as próximas eleições”, disse a presidente, fazendo referência aos dizeres de uma faixa exposta pelos professores durante a sessão.


O Sindicato informou que vai recorrer da decisão por meio de vias jurídicas.


 


Imagem: Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Ubajara 


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO