Servidores avaliam o curso e jornada promovidos nesta semana


Muito proveitosos. Essa foi a avaliação de diversos servidores municipais sobre o curso “Negociação Coletiva no Setor Público”, finalizado na quinta-feira (5), e a “Jornada Nacional de Debates no Setor Público”, realizada na sexta-feira (6), ambas no Romanos Hotéis e Eventos, em Fortaleza-Ceará. As trocas de experiências entre os municipais e as informações trazidas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) enriqueceram o conhecimento dos sindicalistas e vão ajudar no fortalecimento das lutas dos trabalhadores em seus próprios municípios.



Essa conclusão foi colocada por Daniele Freitas, secretária-geral do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Beberibe. Há dois anos no movimento sindical, ela ainda não participou de uma mesa de negociação e espera colocar em prática o que foi aprendido no curso. “Além do aprendizado, [o curso] teve uma análise comportamental e estratégica, fatos importantes e cruciais para que se tenha um fim de negociação de forma favorável”, analisa. “Utilizaremos novas estratégias para as mesas de negociação”, afirma Daniele.


Com experiência em mesas de negociação, Socorro Pires, presidenta do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Crateús, disse que as representações do curso não vão longe da realidade de uma negociação entre trabalhadores e patrões. “O que vimos aqui nas simulações realmente acontece na prática de negociações. O curso trouxe bem a nossa realidade; a forma como os gestores se comportam é sempre bem parecida: mudam as gestões, mas a prática continua”, afirmou.


Para ela, o maior aprendizado foi a forma como os gestores podem se preparar para evitar que os municipais coloquem as pautas de reivindicação à mesa. “Vemos na prática, mas não temos consciência de que eles se preparam realmente para isso. Isso foi uma lição para a gente: antes de irmos para uma mesa de negociação, temos que nos preparar para o embate com dados, mas também, com essa forma de lidar com os administradores”, refletiu.


O curso “Negociação Coletiva no Setor Público” foi uma realização do Dieese em parceria com a Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce) e visa a fortalecer a luta dos municipais em suas bases.


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO