Assembleia discute soluções para problemas de professores de Cariús


Uma assembleia extraordinária dos professores municipais foi realizada no último dia 26, na sede do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Cariús. A reunião visou à deliberação de soluções para a falta de pagamento dos docentes. Segundo o presidente da entidade, Francisco Widerlando Barbosa, os docentes não receberam o salário de junho, nem o retroativo do piso salarial de janeiro a abril de 2013 e o terço das férias. Além disso, ele continua, a Administração municipal não pagou o trabalho dos docentes em contrato temporário, referente a maio e junho.


Presente à assembleia, a secretária de Administração e Finanças de Cariús, Maria do Carmo de Oliveira, informou que o saldo que existe na conta do Fundeb, hoje, é de R$ 44.049,08, valor bem inferior à dívida das folhas de pagamento dos professores, que era R$ 548.934,43 em 30 de junho de 2013.


De acordo com o Sindicato, antes do início das aulas, o Município estará em débito com a folha de pagamento e com as obrigações do mês de julho de 2013. O cálculo preliminar do Sindicato é de aproximadamente R$ 400 mil para julho.


Para o dia 30 de julho, foi agendada nova reunião para negociar a pauta. No dia 31, será realizada audiência pública, a partir das 17h, na Câmara Municipal, com a presença do secretário de Educação. Segundo deliberação da categoria, caso os pagamentos não sejam efetuados até dia 5 de agosto, os professores não vão retomar as aulas.


Valter Saraiva, vice-presidente da Fetamce, esteve presente à assembleia e informou sobre a Campanha Salarial dos servidores 2012, em todo  o Estado, apontando os municípios onde houve avanço e onde não houve. Além disso, Saraiva falou sobre o direito de greve no setor público e da pauta das centrais sindicais junto ao Governo Federal, Congresso e Senado para agosto deste ano.


Compareceram ainda à assembleia: a presidente da Câmara Municipal, Edna Elma Carvalho Pereira; José Clébio Sousa Barros, professor, filiado do Sindicato e outros seis vereadores.


Fonte: Fetamce

DEIXE UM COMENTÁRIO