Sétima edição da Revista F destaca o protagonismo da Fetamce no movimento sindical

Assim como a Revista F de balanço do mandato que terminava, a Federação lançou outra edição em que o tema principal foi a promoção da justiça fiscal e social no Brasil. Foto: Marcos Adegas/Fetamce

Mais que um registro retrospectivo, o material evidenciou que os últimos anos tem sido de resistência e luta para os trabalhadores

A sétima edição da Revista F também foi lançada durante o IX Congresso da Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce), no dia 9 de julho. Destacando em seu título a produção de “um sindicalismo diferente, revolucionário e transformador”, a publicação traz uma síntese das principais iniciativas da entidade durante o mandato 2014/2017.

A retrospectiva presente no material faz um verdadeiro balanço político e organizativo da Federação e evidencia a força da entidade máxima representativa do ramo dos municipais no Ceará, com ampla capacidade de mobilização, luta e resistência, em prol dos direitos trabalhistas, do serviço público de qualidade e da democracia no País.

O material evidencia que a Federação se tornou uma referência para o movimento sindical brasileiro e internacional, por seu papel de vanguarda nas discussões e formas de atuação propostas.

Conforme Enedina Soares, presidente da Fetamce, os textos, ricamente ilustrados com fotografias de todos os momentos mais relevantes, permitem a reflexão da necessidade de cada vez mais se apostar numa gestão sindical plural, democrática, combativa e cada vez mais próxima dos sindicatos de servidores municipais filiados. “Foi uma gestão descentralizada, mais presente na base, construída em parceria com os movimentos sociais. Diminuímos as distâncias entre a Capital e o interior. Não medimos esforços para acompanhar as greves e mobilizações. Isso foi importante para compreender que a Federação é estadual de fato”, resumiu a presidenta.

A revista destaca que a gestão, que iniciou no segundo semestre daquele de 2014, no VIII Congresso em Beberibe, construiu coletivamente uma grande agenda de lutas, pautada na garantia de direitos trabalhistas, na promoção dos direitos humanos e de enfrentamento ao conservadorismo.

As matérias fazem referência a seminários, encontros, rodas de conversas, processos preparatórios para marchas e jornadas, discussões sobre conjuntura e caravanas, com destaque para o fato da direção da Fetamce ter percorrido praticamente todo o Estado. Entre as ações pautadas, a luta da população LGBT, com a participação na parada da diversidade; a realização de jornadas do trabalho decente; as marchas; o enfrentamento ao golpe nos direitos e na democracia; a criação de novos instrumentos de comunicação, como a TV Fetamce e a TV Democracia; as campanhas salariais; cursos de juventude e voltado para dirigentes; e comemorações dos 25 anos, com destaque para as Noites Negra e Feminista.

A revista coloca ainda a ampliação da atuação do ramo no Estado, chegando a 153 sindicatos filiados, o que representa um universo de 160 municípios cearenses, além da retomada do protagonismo da Fetamce no sindicalismo internacional, participando ativamente das iniciativas organizadas pela Internacional de Serviços Públicos (ISP) e parceiros. Ao mesmo tempo, o material evidencia que a Federação se tornou uma referência para o movimento sindical brasileiro e internacional, por seu papel de vanguarda nas discussões e formas de atuação propostas.

“Cada Revista F traz um tema importante a ser debatido e disseminado na sociedade, de acordo com a visão da classe trabalhadora sobre esse tema e com aprofundamento de especialistas. Não só trazemos agora uma revista sobre a nossa luta, como também destacamos as outras quatro revistas construídas neste mandato que fizeram a diferença na produção do jornalismo livre e de interesse público, que é papel também do sindicalismo. Estamos sim fazendo a comunicação contra-hegemônica e vamos continuar com entusiasmo nesta importante trincheira”, finalizou Enedina Soares.

Acesse a Revista F – Edição 7.

DEIXE UM COMENTÁRIO