Professores de Tabuleiro do Norte alcançam reajuste salarial

Após muita pressão, os professores de Tabuleiro do Norte alcançaram o tão almejado reajuste salarial de 2018. A categoria conseguiu 6,81% de aumento, conforme preconiza o Ministério da Educação, aplicado da seguinte forma:3,81% a partir de abril, sem retroagir, e 3% a partir de agosto, sem retroagir.

Além do crescimento salarial, os educadores também estabeleceram acordo com a prefeitura para a fixação de 2,5% de progressão funcional a partir a maio.

Em meio a negociações duras e grandes mobilizações, aos pouco, conforme o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Tabuleiro do Norte, Antonio Marcos Pinheiro, os trabalhadores da cidade vão conquistando diversos direitos.

As demais categorias, inclusive, estavam em greve, que foi suspensa por 10 dias, após a marcação de uma nova mesa de negociação com a prefeitura, agendada para o dia 23 de julho. Neste novo encontro, o Sindicato acredita poder chegar a um acordo para o resto da pauta. Diversos grupos laborais estão há 10 anos sem aumento salarial.

DEIXE UM COMENTÁRIO