Professores de Caririaçu protestam contra reajuste abaixo do PCCR

Na primeira sessão de 2019 a Câmara Municipal de Caririaçu aprovou, nesta sexta-feira (15/02), o reajuste dos professores por 5 votos favoráveis, 1 contra e 3 abstenções. O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Caririaçu (SINDSMCAR) reivindicava o reajuste de 6,23%, percentual que atenderia o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração (PCCR) do Magistério, mas o Poder Executivo enviou projeto com apenas 4,17%, índice apresentado pelo MEC.

Tendo em vista o protesto dos professores, a sessão foi bastante movimentada, mas, mesmo assim, decidiu por reajuste abaixo do reivindicado.

O SINDSMCAR publicou nota de repúdio sobre o fato nesta segunda-feira (18/02), onde afirma que a Administração Municipal não buscou em nenhum momento dialogar com a categoria para apresentar as propostas sobre as negociações da Campanha Salarial 2019.

Confira a nota completa:

Com informações do site Miséria

DEIXE UM COMENTÁRIO